CAIXA COLETORA

8

 

As bocas de lobo devem estar acopladas a Caixas Coletoras confeccionadas em alvenaria, tijolo maciço ou blocos de concreto, revestidas com argamassa imperbealizante tanto na face externa como na interna. Todo o conjunto deverá estar assentado sobre uma laje de fundo que será a fundação que dará estabilidade a todo conjunto.

As dimensões mínimas devem ser de 60 centímetros de tal forma a permitir a entrada de uma pessoa para fazer a manutenção. O fundo deverá ser preenchido com concreto magro na forma de rampas de tal forma a conduzir, não só a água, como também os materiais sólidos para dentro do Tubo Coletor.

A Caixa Coletora não é Caixa de Retenção de objetos.

A profundidade mínima deve ser de 1 metro.

Nas bocas de lobo de guia, dotar com uma tampa de concreto ou de aço capazes de suportar a roda de um veículo.

Nas bocas de lobo de sarjeta, a própria grelha poderá ser a tampa para acesso à caixa coletora.

O diâmetro mínimo do tubo coletor deverá ser de 40 centímetros, mas deve ser dimensionado em função da vazão de coleta. Uma caixa poderá receber a água de diversas bocas de lobo. Para conduzir toda a água e não deixar a água empossar, preencher o fundo com concreto magro e com declividade mínima de 3%.

O Tubo Coletor deverá ser ligado a uma Galeria e a declividade do fundo deverá ser de no mínimo 3% para que a água consiga arrastar latas de refrigerantes e garrafas até a Galeria.

Veja, um desenho esquemático da Caixa de Coleta:

É um grande erro considerar a Caixa Coletora como local para Retenção de Materiais. A Caixa de Coleta não é item de manutenção tanto é que a sua tampa é de concreto.

 

RMW\drenagem\caixa.htm em 18/12/2009, atualizado em 06/01/2013.