COMO CONSTRUIR UM TELHADO

25

AMARRAR A TELHA  DO  BEIRAL

Gostoso é ficar vendo as gotas da chuva caindo pelo beiral do telhado e deitado numa rede esticada na varanda.

Para que você possa curtir esta tranquilidade, alguns cuidados especiais devem ser tomados na construção do beiral do telhado. Um dos cuidados é Amarrar as Telhas ao longo do beiral.

Beirais do tipo colonial não costumam receber forro e as telhas ficam visíveis pelo lado de baixo. É mais rústico, é mais colonial.

O vento pode ocasionar alguns danos como arrancar as telhas, forçando o ar de baixo para cima:

Isso acontece por que o vento, ao bater na parede, tende a subir. Qualquer saliência no caminho tende a ser arrancada pelo vento ascendente:

Para evitar esta ação, as telhas devem ser amarradas na ripa:

As telhas devem vir da olaria já com os furos feitos pois não é fácil fazer furos numa telha cerâmica.

VENTO INTERNO

Outro caso que também requer atenção contra a ação do vento ocorre no interior de galpões que tenham aberturas a barlavento de forma que o vento fica aprisionado no interior do galpão.

Durante a ocorrência de um vento forte, a pressão interna pode levantar as telhas.

TELHADO TODO:

Além das telhas ficarem firmemente amarradas na estrutura do telhado, é bom "amarrar" também a estrutura do telhado para que o vento não leve o telhado todo. No caso de estrutura de madeira apoiada sobre parede de alvenaria, deve-se deixar um ferro chumbado na viga de amarração e depois de instalada a tesoura, dobrar este ferro sobre a linha da tesoura.

Veja o detalhe da amarração da estrutura com a coluna ou parede no caso de galpão coberto com arco do tipo atirantado:

 

\RMW\telhado\TelhaDoBeiral.htm em 14/11/2016, atualizado em 14/11/2016 .